sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Rapsódia* sobre um poema de Carlos Drummond de Andrade

O MUNDO É GRANDE**

O mundo é grande, gigante...
imenso...
O mar é grande, imponente...
denso...
E o amor?
Também é grande, gigante, imponente...
imenso, denso...
radiante... às vezes tenso.

Dor gostosa de sofrer
coceira boa de coçar
alegria de viver
lágrimas para chorar.

Energia... magia...
emoção... comoção...
ousadia e letargia...
sensação... às vezes sem razão.

O amor é assim... grande...
tão grande quanto o mundo...
tão grande quanto deve ser.

Elvis Almeida


* Rapsódia, originalmente, é uma peça musical onde o autor homenageia outro compositor fazendo variações sobre o tema original.
** O Mundo é Grande, é um dos mais belos poemas de Carlos Drummond de Andrade, um dos maiores poetas já vividos, tão grande como o próprio mundo que descreveu. Saiba mais de sua vida e obra em http://carlosdrummonddeandrade.com.br/.

Como sou muito fã de Drummond resolvi homenageá-lo com estas singelas linhas. Dedico esta ousadia à minha querida esposa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...